paixão

04-09 2015

O meu amor

por Cris Lavratti

Crônica publicada no portal Negócio Feminino

O meu amor é copo cheio, é correnteza, é cachoeira, é movimento sem fim, que vai e torna para mim. O meu amor me embriaga com um olhar, faz meu coração acelerar, minha boca secar, minha pele suar.

Continue Lendo >>

26-04 2015

Qual a hora certa?

por Cris Lavratti

Crônica publicada em fevereiro/2015

Sim, vamos falar em sexo, afinal eu gosto de sexo. Mas isso não significa que o assunto seja conveniente em certos momentos e com certas pessoas. Pelo simples fato de que para falar ou para fazer é bom que role uma intimidade, uma sintonia, além da pele e da química, algo que brota do coração.

Continue Lendo >>

26-04 2015

Encontros

por Cris Lavratti

Crônica publicada em janeiro/2015

Entrelaçados, com tamanha intensidade, naquela cama, já não sabiam quem era quem. Repentinamente, em meio aos beijos e como em uma ironia quase impossível, ele sussurra nos ouvidos da amada, “estamos tão longe um do outro”.

Continue Lendo >>

26-04 2015

Amor para conjugar

por Cris Lavratti

Crônica publicada em novembro/2014

Ah…Inquietude sem fim!

Quando os olhares se fixam sem cessar… E os lábios se tocam arrebatadores com a intensidade daquela vontade que estava um tanto esquecida… Quando os corpos se unem para se tornar um só… A paixão renasce viva em cada célula do corpo, fazendo evaporar deste encontro o suor e o perfume do amor.

Continue Lendo >>

26-04 2015

No amor pode tudo

por Cris Lavratti

Crônica publicada em maio/2014

Esta semana aconteceu uma coisa muito engraçada. Um amigo e leitor querido veio me mostrar uma mensagem no celular, que ele mesmo tinha enviado. Eu li e falei, eu conheço essa frase, é um trecho de uma das minhas crônicas. E ele respondeu que sim, que usa para conquistar as gatinhas. Lógico, que rimos muito da situação. Ele ainda completou afirmando que se utiliza da profundidade de algumas das minhas crônicas, bem como de outros cronistas que ensaiam sobre o amor, para chegar ao coração da amada.

Continue Lendo >>

22-04 2015

Longe, mas perto

por Cris Lavratti

Crônica publicada em março/2013

Sabe aquela pessoa na qual só de pensar o corpo arrepia, o coração bate forte, a boca fica seca, a fome passa, os olhos sorriem.

Aquela pessoa cujo jeito, cheiro, voz, toque, tu conheces.

Continue Lendo >>