Qual a minha prateleira?

Para quem não sabe, a vida de quem escreve pode ser cheia de ansiosas interrogações e as letras acabam por ser o rivotril que põem um fim momentâneo a esta ansiedade perene. Pois bem, por esses dias, eu e minha cunhada desenrolamos devaneios coloquiais na busca de caminhos acerca dos meus percalços escritos e ela, …

Qual a minha prateleira? Leia mais »