paixão

O meu amor

Crônica publicada no portal Negócio Feminino O meu amor é copo cheio, é correnteza, é cachoeira, é movimento sem fim, que vai e torna para mim. O meu amor me embriaga com um olhar, faz meu coração acelerar, minha boca secar, minha pele suar.

Encontros

Crônica publicada em janeiro/2015 Entrelaçados, com tamanha intensidade, naquela cama, já não sabiam quem era quem. Repentinamente, em meio aos beijos e como em uma ironia quase impossível, ele sussurra nos ouvidos da amada, “estamos tão longe um do outro”.