sabedoria

26-04 2015

O tempo não acabou

por Cris Lavratti

O que é o tempo? Um segundo, um minuto, um século? O que é a eternidade perdida, onde começa o infinito, onde termina a vida? A inquietação que permeia nossos sentidos nos faz crer que uma força maior que tudo, rege este universo de cores, este planeta de amores. O mesmo sol que ilumina os cruéis, aquece o coração dos justos. Da mesma terra que brota a erva daninha, nasce o alimento de todo o dia.

Continue Lendo >>

26-04 2015

Não dê asas aos melindres

por Cris Lavratti

Ah, os melindres. Como esse tipo de sentimento consegue ter a capacidade de implodir amizades, fazendo desabar as pontes que antes eram motivo de convívio? Como pode esse sentimento ter a habilidade de criar muros cada vez mais altos, de distorcer a realidade, trazendo à tona uma ilusão doente?

Continue Lendo >>

26-04 2015

Para encontrar a paz

por Cris Lavratti

Para mergulhar é preciso encontrar profundidade. No amor, o mergulho jamais poderá ser solitário. Caso contrário, permaneceremos na borda, pairando no tempo que gostaríamos de viver, na ilusão de momentos que pulsam somente nos pensamentos.

Continue Lendo >>