Vida

Que flua

Crônica para o portal Negócio Feminino Qual o verdadeiro valor da vida? Das pessoas? De nós? Eu não entendo o porquê dos aconchegos e das separações, dos dissabores e amores. O vai e vem é confuso. Cada cabeça pensa de um jeito, cada olhar é um olhar, cada gesto é significativo. Mas o que realmente …

Que flua Leia mais »

Minha bagagem

Crônica publicada no portal Negócio Feminino Pensamentos. Sentimentos. Vamos construindo a vida assim, um dia de cada vez, um instante depois do outro. E quando olhamos para trás, enxergamos um caminho rabiscado no horizonte, visível somente a nós e a mais ninguém.

Não dê asas aos melindres

Ah, os melindres. Como esse tipo de sentimento consegue ter a capacidade de implodir amizades, fazendo desabar as pontes que antes eram motivo de convívio? Como pode esse sentimento ter a habilidade de criar muros cada vez mais altos, de distorcer a realidade, trazendo à tona uma ilusão doente?

Para encontrar a paz

Para mergulhar é preciso encontrar profundidade. No amor, o mergulho jamais poderá ser solitário. Caso contrário, permaneceremos na borda, pairando no tempo que gostaríamos de viver, na ilusão de momentos que pulsam somente nos pensamentos.