Topa uma viagem?

Crônica publicado em dezembro/2014

Hoje eu vim aqui para te convidar a uma viagem! Que tal viajar no tempo? Te imagina daqui há 20 anos. Não importa a idade que tu tenha agora. Lança teu olhar lá pra frente. Mira no horizonte e fecha os olhos. Deixa de lado os medos e os anseios, porque agora tu tem toda a coragem do mundo. Esse é o teu tempo. O tempo de evoluir naquilo que acredita.

Entre com convicção. O pensamento é a máquina mais moderna que existe. É nele que tudo se cria e recria e acontece. É nele que construímos ideias, projetos e objetivos. Nāo tenha medo. Fecha os olhos e te deixa levar. Não precisa imaginar a jornada, contenha-se em visualizar o futuro, 20 anos depois de hoje.

E aí? Como tu estás? As pessoas que agora te rodeiam permanecem ao teu lado? Qual a tua aparência? Tem filhos? Netos? Está com uma nova esposa?  O marido é o mesmo? Qual o sentimento em relaçāo a esse momento? Sente. Sente de verdade. Mudou de cidade? De emprego? Continua morando na mesma casa? Mas acima de tudo, está feliz com que o que vê ou não é exatamente o futuro que tu imaginou pra ti?

Nesta época do ano, costumamos fazer planos de pequeno prazo. Um ano é somente um gole dessa fonte chamada vida. Precisamos celebrá-la, amá-la e traçar um caminho que nos leve lá na frente, daqui há 20 ou até 30 anos, de forma construtiva e positiva. Um caminho que nos permita viver o aqui e o agora. Um caminho de liberdade, de voos altos.

Só que para isso, precisamos nos desprender. Fechar os olhos com aquela coragem que eu te falei lá em cima e deixar que o pensamento flua, rico e inteiro.

Sonha com teu futuro e ano a ano constrói caminhos que te levem até ele. E se por acaso tu mudar de ideia, não te apoquenta. A vida é tua, tu pode construir ela do jeitinho que tu quer. Sempre avante e pra cima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *